Eu conheci a ONG através de uma advogada, eu estava passando por algumas dificuldades em casa, e eu tive que ir em busca de ajuda. E ela me indicou a associação Fala Mulher, onde eu passei com um psicólogo e passei com um advogado também. E após umas 3 semanas, me convidaram pra participar da oficina da shibori. Que é muito legal e ajuda a gente a se divertir, dar risada e trabalhar ao mesmo tempo. 

 

O meu maior ganho foi a convivência com pessoas que nos ensinam muito. São muitas pessoas com vivências diferentes, e o tempo todo é uma lição nova. Cada uma carrega consigo uma história de superação, histórias que marcaram muito, mas também traz lições. Essa troca é muito rica, porque a gente acaba criando um vínculo de amizade, fazendo novas amizades e também aprendendo muito. São pessoas que sempre tem algo a ensinar, algo de bom pra tirar delas, apesar de tanto sofrimento e tanta dor.

 

Meu conselho para as mulheres que estão passando por uma situação de violência é: em primeiro lugar temos que nos valorizar e sempre buscarmos ser feliz. Independente de qualquer coisa, nós temos que ser felizes. Procurar ajuda é muito importante e saber que não estamos sozinhas. Tem muita gente que faz muito pelas pessoas. 

Como plantar as sementes?

1. Descubra quando é a melhor época para o plantio.

Essas plantas podem florescer durante todo o ano, dependendo do clima do local onde você mora. Cada país define a habilidade de cultivar certas plantas em cada região. Caso esteja plantando sementes, o objetivo é evitar que as plantas floresçam nas temperaturas quentes. Portanto, na maioria dos climas, o melhor momento para plantar sementes de amor-perfeito é durante o outono ou depois da geada no final do inverno. Dessa maneira, você evita o clima quente do verão e as temperaturas congelantes do inverno, e pode obter uma floração no outono ou no começo da primavera. Se estiver plantando amores-perfeitos maduros, transfira-os para o jardim na primavera ou no outono.
  • Caso você more em um local de clima ameno com invernos mais leves, pode esperar ver os amores-perfeitos florescerem durante toda a estação.
  • A maneira mais precisa de encontrar o melhor momento para plantar amores-perfeitos é procurando informações sobre o bioma da sua região, que pode ser encontrado no site da sua cidade ou do seu país. Veja se há dados sobre a sobrevivência das plantas ou datas sugeridas para o plantio.
  • Os amores-perfeitos podem sobreviver em zonas com invernos de até −34,4 °C.

 

2. Encontre um local ensolarado.

Não importa se você está plantando os amores-perfeitos em vasos ou no solo do jardim, um local com sol pleno ou sombra parcial é o melhor. O excesso de sombra pode diminuir o número de flores e o tamanho delas, além de fazer com que pareçam magras ou cresçam muito alto para buscar a luz solar.

  • Procure por um local que permita de seis a 12 horas de luz solar por dia[3].
  • Os amores-perfeitos crescem melhor em um ambiente fresco. Caso você more em um local onde os verões fiquem muito quentes, mantenha a planta em sombra parcial, o que significa ter uma árvore ou arbusto por perto para criar sombra em certos momentos, especialmente durante o meio-dia, quando o sol está mais forte.
  • Não plante os amores-perfeitos no mesmo local por três anos seguidos. O espaço terá começado a acumular doenças fúngicas no solo que podem se alimentar das suas plantas. Deixar a área vazia por um ano forçará o fungo a morrer.

 

3. Encontre um vaso de boa drenagem para seus amores-perfeitos.

Caso os esteja plantando em um ambiente fechado ou em vasos, use recipientes com 24 a 30 cm de profundidade. Eles deverão ter um buraco ou vários na parte de baixo para que a água seja drenada.
  • Coloque um prato ou uma frigideira embaixo do vaso para captar a água escorrida se estiver plantando os amores-perfeitos dentro de casa ou em uma superfície que não possa ficar molhada.
  • Prepare o solo da mesma maneira que prepararia um canteiro, misturando-o com a compostagem. Ou você pode encher os vasos com terra vegetal ou solo franco-arenoso.
  • Sempre regue o solo antes de plantar as sementes ou as plantas.
  • Esses recipientes podem ser casas permanentes ou temporárias para seus amores-perfeitos.

 

4. Separe os amores-perfeitos ao plantá-los.

Caso esteja criando um canteiro com eles, deixe cada planta separada por 14 a 20 cm em todas as direções. Os espaços maiores entre cada planta permitem maior circulação de ar no solo, o que evita ácaros e doenças que possam destruir seu canteiro.

 

5. Regue o solo antes do plantio.

Não importa se você está plantando uma semente ou uma planta madura em um local aberto ou fechado, é importante regar o solo primeiro e depois do plantio, de modo a fundi-lo com a semente ou a planta.

 

6. Cubra as sementes com 3 mm de solo.

Compacte-o e regue-o para prender a semente dentro dele. Também são recomendados passos extras para garantir que a umidade seja retida no canteiro antes das sementes brotarem:

  • Cubra o vaso ou a sementeira com filme plástico branco (uma boa alternativa é uma sacola plástica branca cortada), papel-alumínio ou serrapilheira úmida para manter a umidade dentro e a luz solar fora. Faça-o até ver as sementes germinando, o que leva de cinco a oito dias.
  • Proteja os brotos de amor-perfeito com um dossel. Coloque-o a cerca de 30 cm acima do canteiro. Caso tenha plantado em vasos, afaste-os da luz solar até que as mudas desenvolvam as primeiras folhas. Um bom local da casa para colocar os vasos com sementes é um porão ou um armário fresco. Depois que as folhas surgirem, as plantas estarão prontas para lidar com a luz solar direta.
  • Caso esteja cultivando as sementes em uma sementeira, esta é a hora de transferi-las para os próprios vasos ou para o ar livre. Você também pode escolher repicar as mudas antes de replantá-las.

 

7. Regue um pouco as sementes de manhã cedo.

Caso fiquem muito secas, elas podem morrer antes de brotar. Mas, se estiverem úmidas demais, é possível que apodreçam. É importante manter um nível balanceado de umidade no canteiro. Caso tenha coberto a sementeira durante os primeiros dias após o plantio, você não precisará regar as sementes. O que você usou para cobri-las deverá ter prendido a umidade. No entanto, verifique a qualidade do solo diariamente e regue, se necessário.

 

8. Depois que brotarem

Regue-as uma vez por semana, de manhã e fertilize-as regularmente.

 

Fonte: WikiHow

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *